RMMG - Revista Médica de Minas Gerais

Número Atual: 34

 

Artigo Original

1 - Desfechos neonatais desfavoráveis: um estudo de base hospitalar

Adverse neonatal outcomes: a hospital-based study

Juliana Cristina Pereira; Assis do Carmo Pereira Júnior; Eunice Francisca Martins; Bráulio Roberto Gonçalves Marinho Couto; Kleyde Ventura de Souza; Edna Maria Rezende

Rev Med Minas Gerais 2024; 34:e-34101

INTRODUÇÃO: os desfechos neonatais desfavoráveis nos recém-nascidos têm sido associados à excessiva medicalização na atenção ao pré-natal, parto e nascimento.
OBJETIVOS: analisar os desfechos neonatais desfavoráveis em nascidos vivos de um município brasileiro.
MÉTODOS: estudo coorte, realizado em maternidades públicas e privadas. A amostra foi constituída por nascidos vivos. Foram incluídos como desfechos desfavoráveis, ocorrência de prematuridade, baixo peso ao nascer, reanimação neonatal, uso de oxigênio, ventilação mecânica, uso de antibiótico, internação em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e óbito. A extração dos modelos explicativos foi realizada por regressão logística.
RESULTADOS: avaliaram-se 1088 recém-nascidos, dos quais 32,7% apresentaram algum desfecho neonatal desfavorável, sendo os mais incidentes: manobras de reanimação, uso de oxigênio e prematuridade. No modelo do desfecho neonatal desfavorável, foi fator de risco apresentar intercorrência clínica na gestação, e fatores protetores, possuir plano de saúde e cartão de pré-natal. No modelo para óbito neonatal, as variáveis que expressaram associação significativa foram a idade gestacional, Apgar menor que 7 no 5o minuto e local das condutas de pré-natal.
CONCLUSÃO: alta ocorrência de desfechos neonatais desfavoráveis é um desafio a ser superado e sua prevenção perpassa por ações no processo da gravidez e parto.

Palavras-chave Recém-nascido; Prematuridade; Baixo peso ao nascer; Morbidade; Cesárea.

INTRODUCTION: Unfavorable neonatal outcomes in newborns have been associated with excessive medicalization in prenatal care, delivery and birth.
OBJECTIVE: to analyze unfavorable neonatal outcomes in live births in a Brazilian municipality.
METHODS: cohort study, carried out in public and private maternity hospitals. The sample consisted of live births. The occurrence of prematurity, low birth weight, neonatal resuscitation, use of oxygen, mechanical ventilation, use of antibiotics, admission to the Intensive Care Unit and death were included as unfavorable outcomes. Explanatory models were extracted using logistic regression.
RESULTS: 1088 newborns were evaluated, of which 32.7% had some unfavorable neonatal outcome, the most frequent being: resuscitation maneuvers, use of oxygen and prematurity. In the unfavorable neonatal outcome model, it was a risk factor, presenting clinical intercurrence during pregnancy, and protective factors, like having a health plan and prenatal card. In the model for neonatal death, the variables that expressed a significant association were gestational age, Apgar score below 7 at the 5th minute and location of prenatal care.
CONCLUSION: the high occurrence of unfavorable neonatal outcomes is a challenge to be overcome and its prevention involves actions in the process of pregnancy and childbirth.

Keywords Newborn; Prematurity; Low weight at birth; Morbidity; Cesarean.

2 - SARS-CoV-2 em pediatria: uma análise dos pacientes internados com suspeita de COVID-19 em um hospital do interior de Minas Gerais

SARS-CoV-2 in pediatrics: an analysis of hospitalized patients with suspected COVID-19 in a hospital in the interior of Minas Gerais

Camile Rabello Netto Gribel; Navarro Santos Gribel; Luara Isabela dos Santos

Rev Med Minas Gerais 2024; 34:e-34102

OBJETIVOS: Analisar os principais sinais e sintomas, tempo de permanência em internação hospitalar, diagnósticos encontrados e desfecho clínico das hospitalizações em pacientes pediátricos com suspeita de COVID-19 no ano de 2021.
MÉTODOS: Estudo observacional descritivo retrospectivo com base nos prontuários médicos dos pacientes com sintomas sugestivos de COVID-19 entre zero e 13 anos incompletos, no ano de 2021, que necessitaram de internação em regime de enfermaria em hospital de atenção secundária, público/ privado, do interior de Minas Gerais/MG.
RESULTADOS: Nos 116 pacientes pediátricos suspeitos avaliados, a apresentação clínica, em sua maioria, foi de quadros com febre (70,7%), dificuldade respiratória (57,1%), tosse (55,6%) e sintomas gastrointestinais (51,8%). Mediante boa evolução clínica, a mediana de dias que os pacientes permaneceram internados foi de três dias (2,0-4,0), recebendo alta após melhora clínica com recomendação de isolamento domiciliar. Em relação ao desfecho da internação, 92,5% dos 116 pacientes evoluíram com alta melhorada. Apesar da suspeita de COVID-19, 93,2% dos 116 pacientes testaram negativo, sendo diagnosticados com outras patologias como bronquiolite (18%), crise de exacerbação asmática (18%), gastroenterites (15%) e pneumonia comunitária (12,8%).
CONCLUSÃO: Nossos dados demonstraram que apesar de clínica semelhante, houve maior prevalência de outras patologias em detrimento da COVID-19 nos pacientes pediátricos internados no hospital do interior de MG em 2021.

Palavras-chave COVID-19; Infecções respiratórias; Pediatria; Tempo de internação; Isolamento de pacientes.

OBJECTIVES: To analyze the main signs and symptoms, length of stay in the hospital, diagnoses found and clinical outcome of hospitalizations in pediatric patients with suspected COVID-19 in 2021.
METHODS: Retrospective descriptive observational study based on the medical records of patients with symptoms suggestive of COVID-19 between zero and 13 years incomplete, in 2021, who required hospitalization in an infirmary in a secondary care hospital, public/private, in the interior of Minas Gerais (MG).
RESULTS: In the 116 suspected pediatric patients evaluated, the clinical presentation was mostly with fever (70.7%), breathing difficulties (57.1%), cough (55.6%) and gastrointestinal symptoms (51.8%). Due to good clinical evolution, the median number of days the patients remained hospitalized was three days (2,0-4,0), and were discharged after clinical improvement with the recommendation of home isolation. Regarding the outcome of hospitalization, 92.5% of 116 patients evolved with improved discharge. Despite the suspicion of COVID-19, 93.2% of 116 patients tested negative and were diagnosed with other pathologies such as bronchiolitis (18%), asthma exacerbation crisis (18%), gastroenteritis (15%) and community pneumonia (12.8%).
CONCLUSION: Our data showed that although a similar clinic, there was a higher prevalence of other pathologies to the detriment of COVID-19 in pediatric patients hospitalized in the hospital of interior of MG in 2021.

Keywords Respiratory tract infections; Pediatrics; Length of stay; Patient isolation.

3 - Análise do Perfil de Saúde dos alunos matriculados no Ensino Médio da Escola Estadual Ouro Preto: um estudo transversal descritivo

Analysis of the Health Profile of Students Enrolled in High School at the Ouro Preto State School: a descriptive cross-sectional study

Daniela Fonseca Abdo Rocha; Gabriella Fagundes Carvalho Cabral; Paula de Almeida Silva; Ísis Eloah Machado; Eloisa Helena de Lima

Rev Med Minas Gerais 2024; 34:e-34103

INTRODUÇÃO: A adolescência é caracterizada por mudanças físicas e psicológicas, que tornam esse período repleto de novas experiências e de incertezas, aumentando a vulnerabilidade desse grupo. Nesse sentido, a escola torna-se espaço privilegiado para entender as demandas dos adolescentes e promover intervenções precoces voltadas para educação em saúde na tentativa de diminuir a exposição a potenciais situações de risco.
OBJETIVOS: Descrever o perfil de saúde dos adolescentes matriculados no Ensino Médio da Escola Estadual Ouro Preto no ano de 2022.
MÉTODOS: Estudo transversal descritivo que contou com a participação de 53 alunos matriculados no E.M. da E. E. Ouro Preto. Os estudantes responderam anonimamente ao questionário Youth Risk Behaviour Survey (YRBS) adaptado com questões referentes à saúde mental, comportamento sexual e uso de álcool, tabaco e outras drogas. As respostas foram digitadas no Google Forms, para posterior análise descritiva.
RESULTADOS: 30,8% dos adolescentes já sofreram algum tipo de ameaça e 19,2% já foram agredidos fisicamente; 60,8% afirmaram ter sintomas depressivos ou ansiosos, sendo que 34,6% pensaram em cometer suicídio; 38,5% já tiveram relação sexual, 75% já tiveram orientação sobre doenças sexualmente transmissíveis e 20% não usaram camisinha na última relação sexual; 70,6% dos jovens já experimentaram álcool e 42,3% cigarro alguma vez na vida. 90% consideram a sua saúde normal, boa ou excelente, mas 50% estão insatisfeitos com o peso corporal.
CONCLUSÃO: A violência, sintomas depressivos e ansiosos, sexo inseguro e uso precoce de drogas são problemáticas relevantes entre os adolescentes estudados, tornando essenciais intervenções em saúde focadas nessas temáticas.

Palavras-chave Adolescência; Educação em saúde; Perfil de saúde.

INTRODUCTION: Adolescence is the stage between childhood and adulthood, characterized by physical, and mainly, psychological changes, which make this period full of new experiences and uncertainties, increasing the vulnerability of this group. In this sense, the school becomes a privileged space to understand the individual demands of teenagers and promote early interventions focused on health education in an attempt to reduce exposure to potential risk situations.
OBJECTIVE: To describe the health profile of the teenagers enrolled in high school at the Escola Estadual Ouro Preto in 2022.
METHODS: This is a descriptive cross-sectional study that included the participation of 53 students enrolled in high school at the Escola Estadual Ouro Preto. The students answered the adapted Youth Risk Behaviour Survey (YRBS) questionnaire with questions related to mental health, sexual behavior, alcohol, tobacco and other drug use. The questionnaires were filled out anonymously and the answers were typed into Google Forms for later descriptive analysis. The study was approved by the Ethics Committee of the Federal University of Ouro Preto. RESULTS: The distribution of male and female participants was balanced; 30.8% of the teenagers have suffered some type of threat and 19.2% have been physically assaulted; 60.8% reported having depressive or anxious symptoms, and 34.6% have thought about committing suicide; 38.5% have had sexual intercourse, 75% have received guidance on sexually transmitted diseases, and 20% did not use a condom during the last sexual encounter; 70.6% of the young people have tried alcohol and 42.3% have tried cigarettes at least once in their life. Approximately 90% consider their health normal, good, or excellent, but 50% are dissatisfied with their body weight.
CONCLUSION: It can be seen that violence, depressive and anxious symptoms, unprotected sex, and early drug use are relevant issues among the studied teenagers, making interventions in health focused on these themes essential.

Keywords Adolescence; Health education; Early interventions; Health profile.

Artigo de Revisão

4 - Avaliação psiquiátrica pré-operatória em candidatos à cirurgia bariátrica: uma revisão integrativa

Preoperative psychiatric assessment in candidates for bariatric surgery: an integrative review

Mateus Lima Martins; Ana Flávia Conegundes Benício; Letícia Chagas Rocha; Isadora Soares Bicalho Garcia; Letícia Oliveira Monteiro; Marisa de Oliveira Torres Almeida; Elaine Leandro Machado

Rev Med Minas Gerais 2024; 34:e-34201

INTRODUÇÃO: A cirurgia bariátrica, embora muito eficaz para o tratamento da obesidade, não trata as disfunções psicológicas que contribuem para o desenvolvimento da doença. Portanto, um tratamento multidisciplinar, visando tratar não apenas a parte biológica, mas o indivíduo como um todo, pode ser decisivo para o sucesso do procedimento.
OBJETIVO: Analisar a importância da avaliação psiquiátrica antes da cirurgia bariátrica.
MÉTODOS: O estudo é uma revisão integrativa realizada nas bases de dados PubMed, LILACs, BVS e SciELO entre setembro e novembro de 2021. Os descritores utilizados foram: "Psychiatry" OR "Psychology" AND "Bariatric Surgery". Foram encontrados 720 estudos, dos quais apenas 22 corresponderam ao tema de pesquisa de acordo com a seleção pelo resumo e pelo texto completo. RESULTADOS: Estudos demonstram que a prevalência de transtornos psiquiátricos em candidatos bariátricos é maior do que da população geral. Além disso, nota-se a falta de padronização da avaliação psiquiátrica antes da cirurgia bariátrica, o que pode dificultar o diagnóstico de psicopatologias para uma intervenção psiquiátrica.
CONCLUSÃO: Para melhorar o prognóstico da cirurgia bariátrica, é benéfico que o atendimento psiquiátrico seja feito de forma padronizada, possibilitando a identificação de psicopatologias que podem influenciar negativamente o sucesso do procedimento.

Palavras-chave Cirurgia bariátrica; Psiquiatria; Cuidados pré-operatórios.

INTRODUCTION: The bariatric surgery, although very effective for obesity treatment, does not treat the psychological dysfunctions that contributed to the development of obesity. Therefore, a multidisciplinary treatment, aiming to treat not only the biological part, but the individual as a whole, can be decisive for the success of the procedure.
OBJECTIVE: To analyze the importance of psychiatric assessment before bariatric surgery.
METHODS: The study is an integrative review conducted in PubMed, LILACs, BVS and SciELO databases between September and November 2021. The descriptors used were: "Psychiatry" OR "Psychology" AND "Bariatric Surgery". 720 studies were found, of which only 22 matched the research theme according to the selection by the abstract and the full text.
RESULTS: Studies demonstrate that the prevalence of psychiatric disorders in bariatric candidates is higher than the general population. Furthermore, it is noted that the lack of standardization psychiatric evaluation before bariatric surgery, which can make detection difficult the diagnosis of psychopathologies for a later psychiatric intervention.
CONCLUSION: To improve the bariatric surgery prognosis, it is beneficial that the psychiatric care be made in standardized way, enabling the identification of psychopathology that can negatively influence success of the procedure.

Keywords Bariatric surgery; Psychiatry; Preoperative care.